terça-feira, 14 de julho de 2009

Pombal


8 comentários:

Sandra Rocha disse...

Que bela imagem aqui tinhas e nem tinhas mostrado, mau :D
Podia estar mais centrada eheheh
Um enorme beijo com muito amor :)

Victor Gil disse...

Amigo Emidio.
Excelente encontro com o passado.
Abraços
Victor Gil

Nadia Mendes disse...

Olha a menina Sandra a criticar! Ai AI!
Gosto assim mesmo! Parabéns!
Bjokas a ambos! Nádia

luismiguelines disse...

Excelente foto, concordo com a Sandra na questão não muito relevante da fotografia centrada e contigo no titulo que adicionaste á fotografia,efectivamente estes monumentos que fazem parte da nossa história nalguns casos são autênticos monumentos do abandono.abraço

Adelino disse...

Com muito boas cores e um motivo muito interessante.
Boa foto.

Até breve.

Remus disse...

Mas não é um pombal normal. É redondo!
Este formato deve ser para as pombas não baterem nas esquinas, quando estão a aterrar. :-)

Tirando as ervitas que aparecem em primeiro plano no lado esquerdo, acho que a fotografia está bem composta. Como a Exma Sra Sandra disse, podia estar melhor centrada, mas assim como está, também não fica mal.

▒▓█► JOTA ENE ® disse...

ºº
Grande registo.

Abraço

Helena Paixão disse...

Então, não há fotos novas por aí? Pois... lá tenho de vir comentar uma mais antiga ;-)

Fiquei na dúvida, trata-se mesmo de um pombal ou o título tem a ver com o estado actual desta construção?

Seja como for, discordo com os comentários acima (vão-me bater, ái, aí), pois segundo os entendidos deve-se aplicar a regra dos terços e evitar fotos centradas. Acho que ficou bem equilibrada, com excelentes cores e definição.

Beijos